Páginas

SEJAM BEM VINDOS

olá! sejas Bem vindo ao s.o.s da mulher,espero que goste dos tópicos e que seja de bastante aproveito para vc.
se gostar ou estiver com alguma dúvida comenta ou fala no mural ao lado irei te ajudar e agradecer.
Beijão, fique avontade.

sábado, março 05, 2011


Melhores anos da vida

1
  Melhores anos da vida..
Os três anos do ensino médio são os mais legais para curtir T-U-D-O. Então, o segredo é aproveitar cada minuto... antes que acabe!
"Pois é amigas estou postando este documentário para fazer v'cs aproveitar kda minuto dos ultimos anos nas escolas (ensino médio) e principalmente da adolescência pq depois que ficamos de maior vem as responsabilidades Ixiiii quero nem pensar.rsrsrs**Estou com saudades do meu tempinho do ensino médio e dos cuidados que o pessoal tinha comigo pq eu era de menor**Agora num querem nem saber dizem ela é de maior sabe o que está fazendo  =*( 
****Leiam 1 pouco mais e vc's vão enteder melhor o que acabei de falar.*****

Você vive dizendo que não vê a hora de fazer 18 anos, ter a sua grana, o seu carro, a sua independência? Pois é bom saber que a fase que vem logo depois do ensino médio é também marcada por um aumento absurdo no número de responsabilidades: é a época de estudar pra valer na faculdade, de garantir um bom emprego, de começar a pagar as suas contas! E aposto que você não tinha pensando nesse “outro lado” de sair da adolescência, não é mesmo? Então, que tal aproveitar a sua realidade como ela é hoje? E se você estiver cursando o ensino médio – ou se estiver prestes a entrar nessa fase – melhor! “Essa está sendo a melhor época da minha vida. É a fase de curtir, sair sempre, namorar... Faculdade é outra história. Quando eu terminar o ensino médio, sei que vou ter de ser bem mais responsável, porque é disso que vai depender todo o meu futuro”, diz a leitora Ana Muylaert, de 15 anos, que acabou de passar para o segundo ano. E, se você também quer se divertir o máximo possível durante esse período especial, confira as dicas das leitoras que estão passando por essa fase ou que se formaram e já estão morrendo de saudade do que passou!

A regra é se enturmar, participar de atividades que proporcionem o contato com gente diferente. Além disso, é a época de curtir os meninos, aproveitando as baladinhas para demonstrar seu interesse e chegar mais.
Várias tribos
“Nessa fase, é fácil fazer novas amizades, porque, na maioria dos colégios, rolam muitas atividades em que a galera se encontra. Além disso, como estamos amadurecendo juntos, parece que tudo fica mais intenso”, conta Mariana Burali, de 16 anos, que está no segundo ano. O segredo para se dar bem com gente de todo tipo? “É preciso conviver com o defeito do outro, saber que cada um tem o seu modo de pensar e que não existe um jeito certo. Basta que se aceitem do jeito que são”, ensina Lara Tuanna, de 15 anos, também do segundo. Fazer a social é bacana, mas é importante saber diferenciar os amigos. Você vai perceber que alguns são ótimos pra estudar, outros pra ir à balada e, claro, aparecerão aqueles em quem você pode realmente confiar. Só não rola se envolver com uma turma-encrenca.
Ficadas, rolos e namoros...
É também nessa época que pintam muitos meninos interessantes e que a gente se sente mais preparada para encarar até um namoro. “Já fiquei com alguns meninos do colégio, mas é complicado. Se você fica com vários meninos, ou com garotos que fazem parte da mesma turma, todo mundo fica sabendo. Depois de uma semana, ninguém mais se lembra. Mas, no começo, pode ser chato”, diz Ana. Para Lara, o grande desafio é olhar para a cara do sujeito no dia seguinte, sem saber o que fazer. “O único jeito é agir naturalmente. Se não rolar nada, tem de preservar a amizade”, ensina. Se o namoro vingar, é preciso ficar esperta com os intrometidos.
Competição de diversão
É nessa época que muitas escolas organizam campeonatos, para envolver a galera. “Eu participei do torneio de futebol e foi muito legal. Você acaba jogando com gente diferente e faz amizade até sem querer”, garante Lara. Quem não curte esporte pode fazer amigos de outro jeito. Cínthia Pinheiro, de 15 anos, que passou para o segundo, encarou as Olimpíadas de Matemática. Iana Cordeiro, de 16, que está no terceiro ano, participou de um concurso de redação, e Tamires Nilith, de 17, que acabou de se formar, fez a farra no campeonato de pebolim. “O importante é fazer o que gosta”, diz.

1 comentários:

__Bru__ disse...

Desculpa nao te responder antes obg por me seguir seu blog é lindo msm eu segui tbm,ultimamente tava mt corrido sabe e eu nao entrei mas agora já ta Ok
Beijos

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...